Linhas de Pesquisa

O programa tem área de concentração única denominada “Nutrição e Saúde”, a qual visa atender às interfaces da Nutrição com a Saúde, especialmente voltadas para a patogênese e a fisiopatologia de doenças crônicas não transmissíveis (DCNT), bem como sua prevenção e controle e características dos alimentos, dietas e do seu consumo por indivíduos, grupos e populações. Para investigar as relações entre a “Nutrição e a Saúde”, duas linhas de pesquisa são propostas:

  • “Nutrição Básica e Aplicada” congrega estudos experimentais, ensaios clínicos, estudos com dietas e alimentos in natura ou processados. Envolve a investigação sobre efeitos endócrino-imuno-metabólicos desencadeados por alimentos e dietas, na saúde e na doença, nos níveis molecular, celular e clínico; a identificação e avaliação do valor nutricional e funcional de alimentos dietas, bem como alterações na sua composição em razão do processamento ou cocção, com especial enfoque em alimentos regionais; a identificação de vias de contaminação biológica, física e química na cadeia produtiva dos alimentos e suas implicações em termos da vigilância sanitária e a investigação de formas de utilização de alimentos, matérias primas alimentares e compostos bioativos para o desenvolvimento de produtos alimentícios para fins especiais, alimentos funcionais e nutracêuticos.
  • Já na linha “Nutrição e Saúde Coletiva” serão desenvolvidas pesquisas nos campos da epidemiologia nutricional nos diversos grupos populacionais, pesquisas no âmbito das políticas, programas e intervenções em saúde, alimentação e nutrição. Também serão desenvolvidos estudos socioantropológicos em alimentação, nutrição, corpo e saúde bem como sobre educação alimentar e nutricional; uso de novas tecnologias no processo de educação em saúde, de forma a contribuir para a formação de recursos humanos em ensino e pesquisa nesses campos.

Estas linhas apresentam estreita relação entre si, ao considerar que a Epidemiologia tem fornecido importantes evidências científicas que direcionam a pesquisa na área básica para confirmar ou não hipóteses diagnósticas e de tratamento, com subsequente aplicação em indivíduos e comunidades.